Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
https://tecnologiammm.com.br/article/doi/10.4322/2176-1523.1017
Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
Artigo Original

EFEITO DE UM CORANTE INCORPORADO A TRÊS VIDRADOS DE LOUÇA EM GRÉS

EFFECT OF A DYE INCORPORATED THREE DISHES OF GLAZED STONEWARE

Jordana Mariot Inocente, Ana Filipa Neves, Pedro Mantas, Alexandre Zaccaron, Vitor de Souza Nandi, Renato Dagostim Pasini

Downloads: 2
Views: 407

Resumo

Com a evolução industrial e exigência do mercado, o processo de fabricação de cerâmica de revestimento teve a necessidade de produzir materiais com tonalidades mais próximas. A dificuldade em alcançar esse objetivo é muito difícil, devido às inúmeras variáveis no processo produtivo. Porém, com estudos técnicos nas áreas dos vidrados e corantes isto é possível. Neste trabalho foram comparados vidrados cerâmicos (mate, opaco e transparente) com quantidades variáveis em peso de corante verde (1%, 3%, 5% e 7%), e analisado o efeito que a adição deste corante apresenta em cada vidrado. Para este estudo foram utilizadas as técnicas de caracterização de DRX, dilatometria, colorimetria e rugosidade superficial. Os resultados obtidos através das análises de DRX mostraram que o zircão é o veículo transportador do cromóforo da cor verde. A dilatometria foi alterada com adição de 7% do corante baixando os coeficientes de dilatação em até 4 pontos. A análise colorimétrica indicou que a cor verde foi bem desenvolvida, e apresentou saturação com 7% de corante nos vidrados mate e opaco, e a rugosidade superficial não sofreu alteração com os percentuais de corante adicionado

Palavras-chave

Vidrados; Corantes; Louça grés; Tonalidade.

Abstract

Glazed; Dyes; Stoneware dishes; Shades.

Keywords

With the industrial revolution and market demand, the ceramic coating manufacturing process was a need to produce materials with closest shades, that is, without abrupt variations of color in the same product type. The difficulty in reaching this goal is very difficult because of the many variables in the production process. However, with the development of technical studies in the field of glazing and dyes this is possible. In this work we were compared ceramic glazes (matt, opaque and transparent) with varying amounts in weight green dye (1%, 3%, 5% and 7%), and analyzed the effect that the addition of this dye has on each glaze. For this study we used the techniques of characterization of XRD, dilatometry, colorimetry and surface roughness. The results obtained through XRD analysis showed that the zirconia is the carrier vehicle of the green chromophore. The dilatometry was changed with the addition of 7% of the dye lowering the coefficient of up to 4 points. The colorimetric analysis indicated that the green was well developed, and were saturated with 7% dye in matte and opaque glazed, and the surface roughness did not change with the percentage dye added.

Referências

1 Renau RG. Pastas y vidriados en la fabricación de pavimentos y revestimientos cerámicos. Ibérica: Castellón: Faenza Editrice; 1994. 251 p.

2 Gilbertoni C. Estudo da previsibilidade de tonalidades na decoração em vidrados transparentes [dissertação de mestrado]. São Carlos: Universidade de São Carlos; 2008.

3 Eppler RAE, Eppler DR. Glazes and glass coatings. Ohio: The American Ceramic Society; 2000. 332 p.

4 Sichi M. As recentes técnicas colorimétricas e tintométricas na gestão industrial da cor. Aplicações e possíveis desenvolvimentos no campo cerâmico. Revista Cerâmica Informação. 2007;55:33-38.

5 Gomes CF. Argilas: o que são e para que servem. Lisboa: Calouste Gulbenkian Eds.; 1986.

6 Martinho G. Reformulação da composição das pastas de grés – optimização da relação custo/qualidade. (dissertação de mestrado). Aveiro: Universidade de Aveiro; 2008.

7 Lopes PE, Castelló JBC, Cordoncillo EC. Esmaltes y pigmentos cerámicos. Castellón: Faenza Editrice Ibérica; 2001. 300 p.

8 Oliveira HE, Labrincha J. Esmaltes e engobes para monoporosa. Cerâmica Industrial. 2002;7(2):25-29.

9 Nachev S, De Rango P, Delhomme B, Planté D, Zawilski B. Longa, F et al. In situ dilatometry measurements of MgH2 compacted disks. Journal of Alloys and Compounds, 2013:580(Suplemento):S183-S186.

10 Silval RA, Petterll CO, Schneiderll IA. Avaliação da perda da coloração artificial de ágatas. Rem: Revista Escola de Minas, 2007:60(3), 477-482.

11 Serafim B, Genaari R, Melchiades F, Boschi AO. Rugosidade superficial de revestimentos cerâmicos. Cerâmica Industrial, 11;2006:15-18.

12 Carpinetti LC, Gonçalves EV, Porto AJV, Jasinevicius R. Rugosidade superficial: conceitos e princípios de medição. São Carlos: Serviço Gráfico USP-EESC; 1996. 51 p.

13 Possamai DV. Síntese e caracterização do pigmento cerâmico de hematita, obtida a partir de carepa de aço, encapsulada em sílica amorfa obtida a partir de casca de arroz [dissertação de mestrado]. Florianópolis: Universidade ederal de Santa Catarina; 2005.

14 Lambies VE, Rincón JM. Study of the mechanism of formation of a zircon-cadmium sulphoselenide pigment. Transactions of the Bristish Ceramic Society, 80;1981:105-108.

15 Dias CA. Produção de pigmentos inorgânicos a base de ZrSiO4 com incorporação de pasta eletrolítica de pilhas [dissertação de mestrado]. Ponta Grossa: Universidade Estadual de Ponta Grossa; 2009.

58a47b4d0e8825ef4dea7270 tmm Articles
Links & Downloads

Tecnol. Metal. Mater. Min.

Share this page
Page Sections