Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
https://tecnologiammm.com.br/article/doi/10.4322/2176-1523.1166
Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
Artigo Original

STATISTICAL EVALUATION OF SCRUBBING AND SCREENING OPTIMIZATION IN BAUXITE PROCESSING

AVALIAÇÃO ESTATÍSTICA DA OTIMIZAÇÃO DAS OPERAÇÕES DE ATRIÇÃO E PENEIRAMENTO NO BENEFICIAMENTO DE BAUXITA

Caroline da Costa Gonçalves, Patrícia Neves Mendes, Maurício Guimaraes Bergerman, Tiago Francioli de Souza, Carlos Eduardo Vieira de Castro, Daniela Gomes Horta

Downloads: 2
Views: 360

Abstract

In the Miraí processing plant (Votorantim Metais), bauxite is processed with an average feed of 1,000 t/h in a circuit with crushing, scrubbing and screening stages. Two plant unit operations needed optimization: (1) The scrubber promoted not only the attrition and disaggregation of bauxite, but was also its griding; (2) The screened fine products had material with significant amounts of available aluminium (AA) and low reactive silica (RS) contents. In this work, modifications were introduced in the scrubber and screening circuit in order to improve the plant performance. A pulp lifter was installed in the scrubber. In addition, the apertures of the primary and secondary screens were changed. Statistical univariate analysis was used to support the process gain due to the introduced modifications. According to the variance analysis (ANOVA), there was no loss of product quality since the resulting AA, RS and iron (Fe) contents agree with the metallurgical specification and the previous results before the optimization work. The mass recovery increased by 3.88%, which means a gain of 43 t/h for the operation.

Keywords

Bauxite; Scrubbing; Screening; Statistical analysis.

Resumo

Na planta de beneficiamento de Miraí (Votorantim Metais), bauxita é processada com uma alimentação média de 1.000 t/h em um circuito composto por britagem, desagregação em um scrubber e peneiramento. Duas operações da planta necessitavam otimização: (1) O scrubber promovia não só a atrição da bauxita como também sua fragmentação; (2) O peneiramento descartava material com quantidade significativa de alumínio aproveitável (AA) e baixo teor de sílica reativa (SR). Neste trabalho mudanças foram introduzidas no scrubber e no circuito de peneiramento para aprimorar o desempenho da planta. Um sistema de descarregamento foi instalado no scrubber. Além disso, a abertura das peneiras primárias e secundárias foi modificada. Análises estatísticas univariadas foram usadas para confirmar o ganho do processo devido às modificações introduzidas. De acordo com a análise de variância (ANOVA), a qualidade do produto não piorou, pois os teores de AA, SR e ferro (Fe) estão de acordo com a especificação metalúrgica. A recuperação mássica aumentou em 3,88%, o que significa um ganho de 43 t/h para a operação.

Palavras-chave

Bauxita; Atrição; Peneiramento; Análise estatística.

Referências

1 Massola CP, Chaves AP, Lima JRB, Andrade CF. Separation of silica from bauxite via froth flotation. Minerals Engineering. 2009;22(4):315-318.

2 Faulstich FRL, Castro HV, Oliveira LFC, Neumann R. Raman spectroscopic analyses of real samples: Brazilian bauxite mineralogy. Spectrochimica Acta Part A. 2011;80:102-105.

3 Oliveira FS, Varajão AFDC, Varajão CAC, Boulange B, Soares CCV. Mineralogical, micromorphological and geochemical evolution of the facies from the bauxite deposit of Barro Alto, Central Brazil. Catena. 2013;105:29-39.

4 Santana AL. Alumínio. In: Departamento Nacional de Pesquisa Mineral. Sumário Mineral 2014. Brasília: DNPM; 2015. p. 30-31.

5 Gancev RK. Concentração de bauxita por flotação reversa [dissertação de mestrado]. São Paulo: Escola Politécnica; 2009.

6 Kurusu RS, Chaves AP, Andrade CF, Abreu CAV. Concentration of bauxite fines via froth flotation. REM – Revista Escola de Minas. 2009;62(3):271-276.

7 Beissner H, Carvalho A, Lopes LM, Valeton I. The cataguazes bauxite deposit. In: Carvalho A, Boulangé B, Melfi AJ, Lucas Y, editors. Brazilian bauxites. Paris: Orstom; 1997. p. 195-207.

8 Massola CP. Flotação reversa da bauxita de Miraí, MG [dissertação de mestrado]. São Paulo: Escola Politécnica; 2008.

9 Bergerman MG, Chaves AP. Experiência de produção mais limpa na CBA. Caso da Companhia Brasileira de Alumínio, Mina de Itamarati de Minas, MG. Brasil Mineral. 2004;231:16-24.

10 Chaves AP, Bergerman MG, Abreu CAV, Bigogno N. Concentration of bauxite fines via gravity concentration. REM – Revista Escola de Minas. 2009;62(3):277-281.

11 Souza TF, Gonçalves CC, Castro CEV, Dias EM. Study to improve the screening process of bauxite at Votorantim Metals unit Miraí. In: Gecamin. Proceedings of the International Mineral Processing Congress; 2014; Santiago, Chile. Santiago: IMPC; 2014. p. 1614-1620.

12 Montgomery DC, Runger GC. Planejamento e análise de experimentos com um único fator: a análise de variância. 4. ed. Rio de Janeiro: LTC; 2009. Estatística aplicada e probabilidade para engenheiros; p. 306-329.

58a4818c0e88252357ea726f tmm Articles
Links & Downloads

Tecnol. Metal. Mater. Min.

Share this page
Page Sections