Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
https://tecnologiammm.com.br/article/doi/10.4322/2176-1523.1570
Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
Especial ABM Week 2017

APROVEITAMENTO DO REJEITO DE MINÉRIO DE FERRO: TENDÊNCIA E OTIMIZAÇÃO DE PROCESSO ATRAVÉS DE CONCENTRAÇÃO MAGNÉTICA

REUSE OF IRON ORE TAILING: TREND AND PROCESS OPTIMIZATION BY MAGNETIC CONCENTRATION

Aline da Luz Pascoal, Filipe Mattos Gonçalves, Thiago Guerra Cabral, Alysson Antônio Borges, Júnia Soares Alexandrino, Otávia Martins Silva Rodrigues

Downloads: 0
Views: 337

Resumo

A crescente preocupação com a produção e descarte de rejeitos advindos da exploração mineral principalmente no que diz respeito aos fatores econômicos e ao meio ambiente, tem aguçado a procura por novos métodos de processamento que ajudem a minimizar este fato. Neste trabalho, foram avaliados e discutidos os dados de produção de um concentrado (sinter feed) em um circuito de concentração magnética na empresa Pedreira Um Valemix em Catas Altas/MG, tendo como alimentação da planta de beneficiamento um blend composto pelo rejeito outrora gerado nesta mesma planta (teor 40,00%) Fe e o ROM (teor de 42,00% Fe). Os resultados encontrados mostraram-se promissores, alcançando uma recuperação mássica e recuperação metalúrgica de, respectivamente 60,15% e 79,75%, e também geraram maior estabilidade do processo, prolongamento da vida útil da mina e maior receita devido à utilização de um produto que antes era considerado como rejeito

Palavras-chave

Minério de ferro; Rejeito; Concentração magnética; Sinter feed fino.

Abstract

The growing concern with the production and disposal of tailings from mineral exploration, especially regarding to economic and environmental factors, has sharpened the search for new processing methods that helps to minimize this fact. In this paper, the data of the production of a concentrate (fine sinter feed) in a medium and high intensity magnetic concentration circuit at Pedreira Um Valemix was be evaluated and discussed. The beneficiation plant was fed with a blend composed by the old pile waste (with 40.00% Fe contect) and the run of mine (with 42.00% Fe content). The results were promising, achieving a mass recovery and metallurgical recovery of 60.15% and 79.75% respectively. Moreover, this added a greater stability on the process, prolonged the mine life and increased the revenue due to the use of a product that was once considered as ore tailing.

Keywords

Iron ore; Waste; Magnetic concentration; Fine sinter feed.

Referências

1 Santos DAM. Avaliação econômica e financeira minério de ferro do projeto de minério de ferro eluvionar de Cassinga Norte em Angola [dissertação]. Ouro Preto: Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto; 2010.

2 Rocha L, Peres AEC. Aproveitamento econômico das lamas de ferro. Revista Escola de Minas. 2009;62(3):291-295.

3 Zhang H, Li Y, Yu X. Recovery of iron from cyanide tailings with reduction roasting-water leaching followed by magnetic separation. Journal of Hazardous Materials. 2012;213:167-174.

4 Li C, Sun H, Bai J, Li L. Innovative methodology for comprehensive utilization of iron ore tailings. Part 1. The recovery of iron from iron ore tailings using magnetic separation after magnetizing roasting. Journal of Hazardous Materials. 2010;174:71-77.

5 Yang H, Jing L, Zhang B. Recovery of iron from vanadium with coal based direct reduction followed by magnetic separation. Journal of Hazardous Materials. 2011;185:1405-1411.

6 Arvidson BR. Metallurgical and economic advantages of high gradient magnetic separators. In: Proceedings of The XII International Mineral Processing Congress; 1977 August 29; São Paulo, Brasil. São Paulo: Nacional Publicações e Publicidade; 1977. p. 1- 41.

7 Silva FL. Aproveitamento e reciclagem de resíduos de concentração de minério de ferro na produção de pavers e cerâmica [dissertação]. Ouro Preto: Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto; 2014.

8 Ferrante F. Estudo de viabilidade para recuperação de minério de ferro em rejeitos contidos em barragens [dissertação]. Ouro Preto: Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto; 2014

5b8d7ffb0e88251c6ac43ffe tmm Articles
Links & Downloads

Tecnol. Metal. Mater. Min.

Share this page
Page Sections