Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
https://tecnologiammm.com.br/article/doi/10.4322/tmm.00601005
Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
Artigo Original

ESTABELECIMENTO DE TRAÇO ENTRE REJEITO DE CARVÃO E ESCÓRIA DE ACIARIA ELÉTRICA PARA PREVENÇÃO DA DRENAGEM ÁCIDA DE MINAS

PREVENCTION OF THE ACID MINE DRAINAGE (AMD) BY BLENDING COAL TAIL AND A SLAG FROM AN ELECTRIC STEEL PLANT

Machado, Luciana Angelita; Bienert, Lucas Minotti; Tubino, Rejane Maria C.; Schneider, Ivo André H.

Downloads: 0
Views: 280

Resumo

Uma das tecnologias de prevenção da geração da Drenagem Ácida de Minas (DAM) é o método de aditivos alcalinos. A alcalinidade impede as reações de oxidação da pirita, evitando a geração de acidez e a solubilização de metais em meio aquoso. Assim, o objetivo deste trabalho é estudar o uso de escória do forno panela de aciaria elétrica como aditivo alcalino para o controle da geração de DAM. O rejeito de carvão foi obtido em uma mina de carvão do Estado do Rio Grande do Sul e a escória foi fornecida por uma usina siderúrgica semi-integrada. Inicialmente, caracterizaram-se os materiais pelo método de contabilização de ácidos e bases. Após, realizaram-se ensaios cinéticos em células úmidas pelo método ASTM D 5744-96. A qualidade da água de percolação nas células úmidas foi analisada em termos de pH, Eh e concentração de metais e sulfatos. Os resultados demonstram que a DAM pode ser evitada pela mistura do rejeito de carvão com a escória em uma proporção de 3:1. Pode-se concluir que a disposição conjunta de escória de aciaria com rejeito de carvão é uma alternativa viável para o controle da geração de DAM em minerações de carvão.

Palavras-chave

Drenagem ácida, Escórias, Aditivos

Abstract

Uma das tecnologias de prevenção da geração da Drenagem Ácida de Minas (DAM) é o método de aditivos alcalinos. A alcalinidade impede as reações de oxidação da pirita, evitando a geração de acidez e a solubilização de metais em meio aquoso. Assim, o objetivo deste trabalho é estudar o uso de escória do forno panela de aciaria elétrica como aditivo alcalino para o controle da geração de DAM. O rejeito de carvão foi obtido em uma mina de carvão do Estado do Rio Grande do Sul e a escória foi fornecida por uma usina siderúrgica semi-integrada. Inicialmente, caracterizaram-se os materiais pelo método de contabilização de ácidos e bases. Após, realizaram-se ensaios cinéticos em células úmidas pelo método ASTM D 5744-96. A qualidade da água de percolação nas células úmidas foi analisada em termos de pH, Eh e concentração de metais e sulfatos. Os resultados demonstram que a DAM pode ser evitada pela mistura do rejeito de carvão com a escória em uma proporção de 3:1. Pode-se concluir que a disposição conjunta de escória de aciaria com rejeito de carvão é uma alternativa viável para o controle da geração de DAM em minerações de carvão.

Keywords

Acid drainage, Slag, Additives

Referências

1 KONTOPOULOS, A. Acid mine drainage control. In: CASTRO, S.H.; VERGARA, F.; SÁNCHEZ, M.A. (Ed.). Effluent treatment in the mining industry. Concepciòn: University of Concepciòn, 1998, p. 57-118.

2 MONTEIRO, K.V. Carvão: o combustível de ontem. Porto Alegre: Núcleo Amigos da Terra, 2004.

3 SKOUSEN, J.; ROSE, A.; GEIDEL, G.; FOREMAN, J.; EVANS, R.; HELLIER, W. A handbook of technologies for avoidance and remediation of acid mine drainage. Morgantown: West Virginia University/The National Mine Land Reclamation Center, 1998.

4 DOYE, I.; DUCHESNE, J. Neutralization of acid mine drainage with alkaline industrial residues: laboratory investigations using batch-leaching tests. Journal of Applied Geochemistry, v. 18, n. 8, p. 1197-213, Aug. 2003.

5 FENG, D.; VAN DEVENTER, J. S. J.; ALDRICH, C. Removal of pollutants from acid mine wastewater using metallurgical by-products slags. Separation and Purification Technology, v. 56, n. 3, p. 359-68, Sept. 2004.

6 TUBINO GEYER, R. M. Estudo sobre a potencialidade de uso das escórias de aciaria como adição ao concreto. 2001. 171 p. Tese (Doutorado em Engenharia) – Engenharia de Minas, Metalúrgica e de Materiais, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2001.

7 ENVIRONMENTAL PROTECTION AGENCY - EPA. Acid mine drainage prediction. Washington, D.C., 1994. (Technical document, EPA530-R-94-036)

8 INDÚSTRIA CARBONÍFERA RIO DESERTO. Análise do potencial de acidificação e de neutralização em rejeitos do beneficiamento do carvão mineral da região carbonífera. Criciúma, 2004. (Relatório técnico).

9 MACHADO, L. A.; SCHNEIDER, I. A. H. Ensaios estáticos e cinéticos para a prevenção da geração de drenagem ácida de minas da mineração de carvão com escória de aciaria. REM – Revista Escola de Minas, v. 61, n. 3, p. 329-35, 2008.

10 AMERICAN SOCIETY FOR TESTING AND MATERIAL – ASTM. ASTM D 5865 - Standard test method for gross calorific value of coal and coke. West Conshohocken, PA, 2004.

11 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS – ABNT. NBR 8289 - Determinação do teor de cinza. Rio de Janeiro, 1983.

12 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS – ABNT. NBR 8290 - Determinação do teor de matérias voláteis. Rio de Janeiro, 1983.

13 INTERNARTIONAL ORGANIZATION FOR STANDARDIZATION – ISO. ISO 157: Hard coal: determination at forms of sulfur. Genebra, 1993.

14 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS – ABNT. NBR 8293 - Determinação de umidade. Rio de Janeiro, 1983.

15 SOBEK, A. A.; SCHULLER, W. A.; FREEMAN, J. R.; SMITH, R. M. Field and laboratory methods applicable to overburden and minesoils. Washington, D.C., Environmental Protection Agency – EPA, 1978. (EPA 600/2-78-054).

16 AMERICAN SOCIETY FOR TESTING AND MATERIAL - ASTM. ASTM D 5744 - Standard test method for accelerated weathering of solid materials using a modified humidity cell. West Conshohocken, PA, 1996.

17 AMERICAN PUBLIC HEALTH ASSOCIATION – APHA. Standard methods for the examination of water and wastewater. 21. Ed. Washington, D.C: APHA-AWWA-WEF, 2005.

18 FÉRIS, L. A.; FLORES, J. A.; SCHNEIDER, I. A.; RUBIO, J. Sorption of metals on a coal beneficiation tailing material. I: characterization an mechanisms involved. Coal Preparation, v. 21, p. 235-48, 2001.

19 CAPANEMA, L. X. L.; CIMINELLI, V. S. T. An investigation of acid rock drainage (ARD) occurrence in a gold mine located in a Southeastern Brazil region. REM - Revista Escola de Minas, v. 56, n. 3, p. 201-6, 2003.

20 SIMMONS J.; ZIEMKIEWICZ, P.; BLACK D. C. Use of steel slag leach beds for the treatment of acid mine drainage. Mine Water and the Environment, v. 21, n. 2, p. 91-9, June 2002.

588696b77f8c9dd9008b4679 tmm Articles
Links & Downloads

Tecnol. Metal. Mater. Min.

Share this page
Page Sections