Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
https://tecnologiammm.com.br/doi/10.4322/2176-1523.20191449
Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
Artigo Original

INFLUÊNCIA DO ÂNGULO DE FOLGA E FLUIDO DE CORTE NA USINABILIDADE DO AÇO ABNT 1045 UTILIZANDO O MÉTODO FACEAMENTO RÁPIDO DE BRANDSMA

INFLUENCE OF CLEARANCE ANGLE AND CUT FLUID IN THE ABNT 1045 USINABILITY USING BRANDSMA METHOD

André Alves de Resende, Leandro de Lima Ramaldes, Ana Luíza Ferreira Mamede, Ricardo Ribeiro Moura, Marco Paulo Guimarães

Downloads: 0
Views: 71

Resumo

Usinabilidade de um material demonstra como ele se comporta frente a diferentes condições de usinagem. É influenciado por vários fatores como a geometria da ferramenta e o uso de fluídos de corte. O método de Faceamento Brandsma é um ensaio de curta duração que permite avaliar o comportamento de uma ferramenta até atingir o colapso. O objetivo deste trabalho é utilizar o método de Brandsma para analisar a influência do ângulo de folga e do uso de fluído de corte sobre a usinabilidade do aço ABNT 1045. Para tanto, foram realizados testes com e sem fluído comparando e avaliando o comportamento de ângulos de folga de 2º, 4º, 6º, 8º e 10º, observando com isso que o aumento do ângulo de folga proporciona um aumento no percurso de usinagem e, finalmente, a presença do fluido de corte aumenta o percurso de corte para todos os valores de ângulo de folga.

Palavras-chave

Usinabilidade; Brandsma; Ângulo de folga; Fluído de corte.

Abstract

Machinability of a material demonstrates how it behaves against different machining conditions. It is influenced by factors such as tool geometry and use of cutting fluids. The Brandsma Facing method is a short duration test that allows evaluating the behavior of a tool until it reaches collapse. The test can be performed under different conditions quickly and efficiently. Therefore, this work aim to use the method to analyze the influence of the angle of slack and the use of cutting fluid on the machinability of ABNT 1045 steel. For that, tests with and without fluid were performed comparing the behavior of clearance angles of 2º, 4º, 6º, 8º and 10º. As main results it was observed that for the range of values evaluated, the increase in the clearance angle provides an increase in the machining path, and the presence of the cutting fluid increases the cutting distance for all conditions.

Keywords

Machinability; Brandsma; Clearance angle; Cutting fluid.

Referências

1 Trent EM, Wright PK. Metal cutting. 4th ed. Boston: Butterworth Heinemann; 2000. 446 p.

2 Ferraresi D. Fundamentos da usinagem dos metais. São Paulo: Edgard Blucher; 1970. p. 566-645.

3 Diniz AE, Marcondes FC, Coppini NL. Tecnologia da usinagem dos materiais. 6. ed. São Paulo: Artliber; 2008.

4 Silveira J. Influência de fatores metalúrgicos na usinabilidade de ferros fundidos, FE 6002 e FE 4212 [dissertação]. Campinas: Faculdade de Engenharia Mecênica, Universidade Estadual de Campinas; 1983.

5 Pereira JCC. Determinação de modelos de vida de ferramenta e rugosidade no torneamento do aço ABNT 52100 endurecido utilizando a metodologia de superfície de resposta (DOE) [dissertação]. Itajubá: Curso de Engenharia Mecânica, Universidade Federal de Itajubá; 2006.

6 Oliveira JFG, Alves SM. Adequação ambiental dos processos de usinagem utilizando Produção mais Limpa como estratégia de gestão ambiental. Produção. 2007;17:129-138.

7 Araujo AC, Mougo AL, Campos FO. Micro milling cutting forces on machining aluminium alloy. ICOMM; 2013.

8 Chieco NW. Apostila usinagem em maquinas convencionais. 1. ed. 1998. p. 35.

9 Machado AR, Abrão AM, Coelho RT, Silva MB. Teoria da usinagem dos metais. São Paulo: Blucher; 2009.

10 Wertheim R, Satran A, Ber A. Modifications of the edge geometry and chip and chip formation in milling. CIRP Annals Manufacturing Technology. 1994;43(1):63-68. http://dx.doi.org/10.1016/S0007-8506(07)62165-9.

11 Kaldor S, Malkin S. A common denominator for optimal cutting tool geometry. CIRP Annals Manufacturing Technology. 1986;35(1):41-44. http://dx.doi.org/10.1016/S0007-8506(07)61834-4.

12 Cui X, Zhao J, Zhou Y, Zheng G. Damage mechanics analysis of failure mechanisms for ceramic cutting tools in intermittent turning. European Journal of Mechanics. A, Solids. 2013;37:139-149. http://dx.doi.org/10.1016/j.euromechsol.2012.06.002.

13 Araujo AS Jr, Machado AR, Silva MB, Neves TES, Rodrigues JRP. Estudo da usinabilidade do aço ABNT 1020 usando o método de faceamento rápido de brandsma. In: Associação Brasileira de Engenharia e Ciências Mecânicas (ABCM). Anais do 6º Congresso Brasileiro de Engenharia de Fabricação (COBEF); 2011 Abril 11-15; Caxias do Sul, RS. Rio de Janeiro: ABCM; 2011.

14 Reis R. Estudo da influência da geometria da cunha da ferramenta de aço rápido na usinagem do aço ABNT 1045 em diferentes condições lubri-refrigerantes [dissertação]. Uberlândia: Universidade Federal de Uberlândia; 2015.

5d1214d40e8825c5495a3d53 tmm Articles
Links & Downloads

Tecnol. Metal. Mater. Min.

Share this page
Page Sections